Webmail

Casos de alergia podem aumentar na Primavera


Edição: 09-18

A liberação de pólen pelas árvores ornamentais, comum nesta época do ano, aliada aos ácaros, que se intensificam na mudança de estação, podem causar sensibilização alérgica e aumentar os sintomas em quem já tem alergia.
As manifestações clínicas mais comuns são crises de asma e rinite alérgica, com impacto negativo na qualidade de vida dos pacientes. As crianças e adolescentes são os mais prejudicados, especialmente aqueles que já sofrem de alergia e não realizam tratamento adequado.
Conhecida como sazonal ou primaveril, a alergia ao pólen é mais frequente em regiões onde as estações do ano são bem definidas. No Brasil, a maior concentração de casos está nos estados da região sul e planalto central. A saúde pode ser agravada com o clima seco e a poluição.
Os sintomas são coriza e congestão nasal, espirros contínuos e frequentes e falta de ar, além de irritação nos olhos. Ele pode ser confundido com resfriado de natureza viral. A diferença é que o resfriado apresenta queda do estado geral e febre, sintoma de infecção. Nestes casos, a recomendação é procurar atendimento médico.
Para prevenção das alergias, é recomendado limpar o ambiente, principalmente os quartos, com pano úmido. A remoção da sujidade com vassoura faz com que ácaros, pólen, pelo de animal fiquem suspensos no ar, fatores desencadeantes das crises.
A polinose pode aparecer em sua forma pura ou associada a alérgenos perenes, tais como dermatofagóides, poeira domiciliar, fungos, epitélio de animais. Portanto, pode ter sintomatologia exclusivamente estacional ou durante todo o ano, porém exacerbada na primavera. A repetição por mais de uma estação polínica dos sintomas clássicos de rinoconjuntivite associados ou não à asma brônquica, pressupõe de modo seguro o diagnóstico clínico.

 

  • Consulte um médico para o diagnóstico e o tratamento apropriado.

Fonte


http://www.hc.fm.usp.br/index.php?option=com_content&view=article&id=636:hc-alerta-casos-de-alergia-podem-aumentar-na-primavera&catid=78


http://www.asbai.org.br/secao.asp?s=81&id=300
 

PROGRAMAS



CERTIFICAÇÕES


BUSCA